Qual é o segredo de um vendedor bem-sucedido? Essa parece ser uma pergunta difícil de se responder diante de um mercado de moda feminina, com tanta competitividade e variedade de ofertas.

Talvez não seja tão complicado encontrar a “fórmula mágica” se o vendedor for observador, atento às tendências e marcar presença onde o cliente está. Este lugar é a Internet, onde a grande maioria dos brasileiros compra aquilo que deseja, ao alcance de um simples clique.

O famoso “caminho das pedras” pode ficar mais fácil quando se conhece a história de quem já percorreu essa trajetória e consegue ver os resultados.

Como vender pela Internet: Entrevista com o vendedor

Confira a entrevista com o vendedor da Shafa Cristiano Coelho Freitas, da cidade de Franca, em São Paulo, detentor da marca Boutique na Web que têm mais que 400 pedidos pagos em alguns meses e que conquistou grande reputação na plataforma de e-commerce Shafa:

  • Algumas palavras sobre você (quantos anos tem a sua marca).

Estamos no mercado com a marca Boutique na Web há pouco mais de um ano, sempre prezando pela excelência no atendimento ao cliente. Outra característica da BW é quanto aos produtos vendidos, pois levamos aos nossos compradores produtos de altíssima qualidade.

  • Escreva algumas sentenças sobre como você começou (vender sapatos)? Como você chegou à Shafa? O que você gosta sobre a Shafa?

Iniciamos como a grande maioria dos vendedores, ou seja, vendendo marcas de terceiros e somente via Marketplaces. Há pouco mais de um ano, resolvemos dar início às vendas em site próprio e desenvolvemos a marca BW (Boutique na Web). Apesar de já vendermos nos Marketplaces, estávamos procurando um local de vendas onde não éramos apenas mais um. Foi quando, por buscas no Google, descobrimos a Shafa. Nela, tivemos uma grande surpresa devido ao atendimento comercial e com o elevado número de vendas.

A empresa está localizada em um pólo industrial calçadista. Mesmo sendo em sua grande maioria masculino, temos a oportunidade de possuir mão de obra especializada, fornecedores e parceiros comprometidos com o negócio.

  • Quais são os critérios para escolher sapatos para venda? Por exemplo, qualidade, preço, relação preço-qualidade, o que mais?

Os critérios adotados pela escolha dos produtos sempre são nesta sequência: qualidade do produto e conforto ao utilizar e preço de venda competitivo.

  • Em quais plataformas você vende e quais são as vantagens da sua própria loja on-line?

Onde possui moda feminina, tentamos de alguma forma estar presente (Shafa , Dafiti, Americanas, Shoptime, Submarino, Mercado Livre, Magazine Luiza, entre outros).

A principal vantagem de ter uma loja própria, sem dúvida alguma é o não pagamento da comissão aos Marketplaces, que em alguns casos chegam ao absurdo de cobrar 30% sobre as vendas + o frete. Sem o pagamento desta comissão, podemos oferecer um desconto maior ao cliente que compra direto em nosso site.

  • Como você interage/comunica com clientes regulares?

Em vendas especificamente utilizamos a grande parte dos recursos financeiros nas redes sociais. Isto nos traz um retorno rápido e uma conversão de vendas muito grande.

Na questão atendimento ao cliente (dúvidas ou pós-vendas), possuímos dois canais principais de comunicação. Via e-mail e Whatsapp. São raros os casos em que temos que utilizar uma ligação telefônica.

  • Quais são os problemas com os clientes?

Atualmente divido em duas categorias:

1 – Antes da Venda: o cliente não lê todo o anúncio. Caso isto ocorresse teríamos uma pequena demanda de pessoal no esclarecimento das dúvidas.

2 – Pós-Venda: no caso de pós-venda, o maior problema é a troca/devolução. Isto causa um impacto financeiro grande, pois oferecemos a primeira troca/devolução de forma gratuita.

  • Você planeja explorar novas direções nas vendas de moda feminina?

Estaremos em 2019 lançando novos segmentos voltados ao público feminino, como por exemplo, semi-jóias. Porém, não vamos deixar de ampliar o que realmente interessa, ou seja, bolsas e sapatos de alta qualidade e preço justo.

  • Dicas para os vendedores que começam:

Invista em sua marca, inicie suas vendas pelos marketplaces, pois o custo de implantação é baixo e as vendas são garantidas. Aprenda com os grandes antes de iniciar e seguir seu próprio caminho. E para finalizar, lembre-se de uma coisa, tenha paciência, tudo acontece no seu devido tempo.

As lições dadas por Cristiano Coelho Freitas com certeza incentivarão tanto os vendedores que estão começando a se aventurar no e-commerce quanto os que já estão nos Marketplaces, mas ainda não tiveram o resultado desejado.

A Shafa, plataforma de vendas colaborativa de moda feminina, possui mais de 25 mil vendedores com uma taxa menor que 14% e com mais de 55 mil peças que fazem a cabeça das mulheres. São vantagens que conquistam tanto quem quer vender quanto quem quer comprar.

 

Abrir sua loja online de graça